AS SETE CHAVES PARA SER UM VENCEDOR

16/06/2014 21:37

“A vontade de me tornar, melhor a cada dia é o que me faz sonhar e lutar para transformar o meu projeto, que um dia foi um simples pensamento, em um sentido de vida”.
(Adaptado by Teddy)
 

Quem não deseja ser bem sucedido na vida? Eis aqui as sete chaves que abrirão as portas para o seu futuro brilhante. 
Há alguns anos atrás, uma pesquisa feita por MICHAEL JEFFREYS, revelou o que estimula as pessoas de maior sucesso em termos de motivação. Entre os entrevistados estão os autores de livros sobre “como ser bem-sucedido” e os palestrantes motivacionais mais importantes dos Estados Unidos. 

1ªCHAVE: 

Assuma a Responsabilidade 

Em uma sociedade em que as pessoas culpam todo mundo – desde os pais até o governo – pelo seu fracasso, os superstars motivacionais não aceitam o papel de vítimas. Seu lema é: “Só depende de mim”. 
Eles percebem que, ao dizer que alguém ou algo além de você mesmo o está impedindo de atingir o sucesso, você está entregando seu poder de bandeja. Está dizendo: “Você tem mais controle sobre a minha vida do que eu mesmo”. 
Veja o caso de Les Brown. Abandonado pelos pais ao nascer e rotulado como “deficiente mental educável” na infância, tinha todos os motivos para perder a esperança. Mas, quando no 2º Grau um professor lhe disse: “A opinião de alguém a seu respeito não deve necessariamente se tornar realidade”, Brown se deu conta de que seu futuro estava nas próprias mãos. Ele foi em frente e se tornou parlamentar do estado de Ohio e escritor, ganhando hoje 20 mil dólares por hora como um dos principais 
palestrantes motivacionais dos Estados Unidos. 
Brown entendeu que você não pode controlar certos elementos da vida, como, por exemplo, a natureza, o passado e as outras pessoas. Mas pode controlar os próprios pensamentos e ações. Assumir a responsabilidade pela sua vida é uma das atitudes que mais promovem a realização pessoal. 

2ª CHAVE: 

Viva “de Propósito” 

Talvez o que mais distinga os superstars motivacionais das outras pessoas seja o fato de eles viverem a 
vida “de propósito” – fazendo o que acreditam ter nascido para fazer. “Ter um objetivo na vida é o elemento mais importante no processo para se tornar uma pessoa que explora todo o seu potencial”, explica Wayne Dyer, autor do best seller Seus pontos fracos. 
Não viver segundo seus propósitos consiste em fazer apenas o esforço suficiente para ir levando a vida com um mínimo de problemas. Mas quando você tem propósitos, sua maior preocupação é fazer bem seu trabalho. Você ama o que faz – e isso se torna visível. As pessoas querem 
negociar com você porque sentem o seu comprometimento. 
Como viver “de propósito?” Encontrando uma causa em que se acredita e criando uma empresa comercial em torno dela. Mike Ferry, ex-vendedor de cursos em audiocassetes, acreditou que os membros da Associação Americana de Corretores de Imóveis precisavam de ajuda para desenvolver técnicas de vendas. Ele então fundou a Mike Ferry Organization, uma empresa de treinamento voltada para o setor imobiliário. A empresa gerou mais de 20 milhões de dólares por ano em vendas.

3ª CHAVE: 

Escreva um Plano 

Tentar alcançar seus objetivos sem um plano de ação é como tentar dirigir numa estrada desconhecida sem um mapa. O tempo, a energia e o dinheiro gastos provavelmente o farão desistir muito antes de chegar. 
Bbrian Tracy, um dos mais bem-sucedidos instrutores na área de vendas, palestrantes e escritores americanos, afirma: “Objetivos que 
não vão para o papel não são objetivos. São meras fantasias”. 
Com um mapa nas mãos, contudo, você cai aproveitar a viagem e chegar ao seu destino o mais rápido possível. 

4ª CHAVE: 

Pague o Preço 

Não há nada de errado em querer uma casa, um carro de luxo ou um milhão de dólares. O problema é que praticamente todo mundo deseja isso. Mas os bem-sucedidos descobrem quanto custa realizar o 
sonho – e depois o fazem acontecer. Sem reclamar do trabalho que dá. 
Les Brown tem um calo na orelha esquerda. Por quê? “Quando decidi começar a fazer palestras, não tinha credenciais, reputação, credibilidade ou experiência, então precisei telefonar para muitas pessoas”, explica ele. “Ligava para mais de cem pessoas por dia a fim de pedir uma oportunidade de falar para seus grupos. Este calo vale vários milhões de dólares!” 

5ª CHAVE: 

Torne-se um “expert”
 

Um fator marcante nos palestrantes motivacionais que entrevistei é o seu fenomenal estímulo para serem os melhores. Eles fazem de tudo para aprimorar suas habilidades. 
Patrícia Fripp, que faz palestras para executivos das maiores empresas dos EUA sobre como ter mais sucesso na vida, participou de um workshop de humor e contratou um professor de oratória para aprimorar sua habilidade de falar em publico. Patrícia fez isso mesmo depois de ser apontada como uma das melhores palestrantes dos 
Estados Unidos por uma revista especializada. 
Se alguém o filmasse em ação no trabalho, para uma fita com instruções praticas dirigidas a outras pessoas, você se orgulharia da fita ou ficaria constrangido? Se você escolheu a ultima opção, decida hoje trabalhar para ser o melhor na sua área. Estude os especialistas, descubra o que os melhores estão fazendo e depois faça como eles. 

6ª CHAVE: 

Nunca Desista
 

Pode soar óbvio, mas quando você está genuinamente comprometido com seu objetivo, desistir nem passa pela sua cabeça. É preciso estar disposto a fazer o que quer que seja para alcançá-lo. 
Quando Jack Canfield e Mark Victor Hansen compilaram canja de galinha para a alma, mais de cem editores recusaram o livro. Mas, ao invés de desistirem, os dois continuaram concentrados naquele objetivo. Mais tarde, uma pequena editora decidiu publicar o livro, que não apenas se tornou best seller como também deu origem a uma serie que vendeu mais de 12 milhões de cópias. É a força da perseverança. 
Passe a maior parte possível do seu dia trabalhando por seus objetivos e sonhos. Pergunte a si mesmo: “O que estou fazendo agora está me aproximando do meu objetivo?” Se não, faça algo que deseja. 

7ª CHAVE: 

Não se Demore 


Em seu livro Live your dreams (Viva seus sonhos), Les Brown recorda uma conversa ao telefone com a amiga Marion, que, no dia seguinte, morreu. Pouco depois, Brown estava ajudando a arrumar o escritório da amiga quando deparou com anotações para uma peça. Infelizmente ela nunca seria publicada. Marion era a única que conhecia o fim. 
Lembre-se: não vivemos para sempre. Os grandes empreendedores sabem disso, mas em vez de ver esse 
fato como negativo ou deprimente, usam-no como estímulo. Eles vão atrás do que querem, realizando os sonhos com energia e paixão. E você pode fazer o mesmo. 

(Fonte: Revista Read Digest)